InstalandoEnlightenment17

Tutorial Enlightenment 17 (E17) no Ubuntu

Conteúdo

http://img154.imageshack.us/img154/7979/80801749dz1.pnghttp://img215.imageshack.us/img215/735/67654553sr8.pnghttp://img241.imageshack.us/img241/6731/86314511lj5.png

Informações sobre o Sistema

Visão geral

Para quem ainda não conhece, o Enlightenment 17 é um ambiente gráfico que combina uma extrema sofisticação com um maravilhoso desempenho. Este é o principal objetivo do ambiente: sofisticação com desempenho!

A nova versão, que ainda não foi lançada oficialmente, está bem mais simples de usar e com muitos mais recursos (fundos de tela animados, ícones animados, transparência real e muito mais). É esta versão que será instalada através deste tutorial. Faça isso por sua conta e risco e sinta-se à vontade para expor seus resultados aqui.

Requerimentos do sistema

  • Mínimos: 100Mhz, 64 MB*
  • Recomendado: 300Mhz, 128MB*

* baseado nas informações sobre o ELive, live CD do E17.

Compatibilidade com programas GTK e QT

O E17 utiliza bibliotecas próprias (EFL), as quais são compatíveis com bibliotecas do KDE e do Gnome - proporcionando uma total integração entre os ambientes. Portanto, você pode utilizar programas tanto baseados em GTK quanto em QT sem se preocupar com a perca de desempenho.

Principais problemas/dificuldades encontrados na versão de testes

  • Dificuldade pra se editar o menu, já que não há um editor gráfico (não que eu tenha encontrado até agora) que seja tão simples quanto o do Gnome ou do KDE.
  • Falta de uma área de notificação, que por problemas no desenvolvimento foi retirada temporariamente.
  • Falta de maior flexibilidade com itens do Desktop, que apesar de serem exibidos normalmente não permitem configurações como as que estão disponíveis em ambientes como Gnome e KDE (exibir a pasta pessoa, unidades de mídia etc.).
  • Alguns bugs acabam fazendo a interface reiniciar, você vai tentar mexer em alguma configuração e ela dá o aviso de que um erro foi encontrado, lhe oferecendo as opções para reiniciar ou recuperar - se escolhido "recuperar" os programas abertos continuarão assim, o que não prejudica a produtividade. São raros.

Instalação

Repositórios e Instalação

Inicialmente é preciso fazer o download da seguinte chave GnuPG e coloca-la no banco de dados de chaves confiáveis do APT. Ao executar esta operação você está confirmando ao APT que este repositório que será adicionado é confiável.

Icones/terminal.png Abra o terminal e digite:

wget http://lut1n.ifrance.com/repo_key.asc

sudo apt-key add repo_key.asc

Depois da chave já adicionada, é hora de adicionar o repositório do pacote.

Feisty Fawn

deb http://e17.dunnewind.net/ubuntu feisty e17

Edgy Eft

deb http://edevelop.org/pkg-e/ubuntu edgy e17

Dapper Drake

deb http://edevelop.org/pkg-e/ubuntu dapper e17 

Icones/importante.png Importante: Caso ainda não saiba como adicionar um repositório, acesse esta página.

  • Não se esqueça de atualizar a lista de repositórios quando terminar, digitando o seguinte comando.

sudo apt-get update

Instalação

Icones/instalar.png Finalmente, para instalar o Enlightenment 17 basta agora executar o seguinte comando em um terminal:

sudo apt-get install e17

Pronto… Agora só falta agora dar um logout do seu Gnome ou KDE (ou o que você estiver usando) e escolher o Enlightenment 17 no gerenciador de login (GDM ou KDM).

Dicas de Configuração

Mudando o idioma para o Português

Perceba que seu sistema está em inglês, então iremos mudá-lo para o Português (o mesmo procedimento pode ser feito para outros idiomas).

Clicando no símbolo do Enlightenment que fica na bandeja ou clicando em qualquer ponto da área-de-trabalho você terá acesso a este menu:

http://img517.imageshack.us/img517/7092/72356374pb9.png

Você deve escolher justamente a opção mostrada na imagem, isto abrirá o Painel de configurações do E17. Então selecione as configurações de idioma:

http://img111.imageshack.us/img111/2056/12278238eg4.png

Selecione “Portuguese” e aplique, depois abra as configurações avançadas em “Advance” e selecione todos os referentes a Português, sempre clicando em Appli.

Usando temas GTK para as aplicações

  • Caso tente abrir algum aplicativo verá que a interface está simplesmente horrível, toda quadrada. Mas antes de me xingar muita calma... vamos aos passos. Abra o terminal e crie um arquivo de configuração para a interface no E17:

gedit ~/.gtkrc-2.0

No documento criado insira as seguintes linhas:

{{{gtk-font-name = "Bitstream Vera Sans 10" gtk-theme-name = "Human" gtk-icon-theme-name = "Human"}}}

Agora, basta fechar as aplicações que estiverem abertas. Abra qualquer outro aplicativo e o visual estará igual ao do Gnome com o tema Human do Ubuntu. Caso queira utilizar outros temas, basta explicitar qual deseja no arquivo que acabamos de criar, o mesmo vale para os ícones e para a fonte.

Para que os aplicativos abertos com o sudo (como o synaptic) também usem os seus temas gtk configurados no gtkrc que criamos, use o seguinte comando no terminal:

sudo ln -s ~/.gtkrc-2.0 /root/.gtkrc-2.0

Isso vai criar um link simbólico para o arquivo .gtkrc-2.0 do seu usuário na pasta do usuário root, assim todas as aplicações administrativas também usarão o mesmo tema que suas aplicações normais. Ah... e não precisa editar as duas, como se trata de um link simbólico qualquer alteração no seu arquivo .gtkrc também será usada no que está na pasta /root.

DICA: No gnome-look você encontra um tema GTK semelhante ao tema padrão do E17 (http://www.gnome-look.org/content/show.php?content=38481). Descompacte este tema na pasta /usr/share/themes e você poderá utilizá-lo no E17 editando o arquivo .gtrkrc-2.0. Combina muito bem! Big Grin :)

Ativando os módulos

  • Uma das coisas mais impressionantes do E17 é o suporte a Gadgets ou Desklets sem ocupar mais espaço de memória, pois já fazem parte do sistema. Para ativá-los, abra o menu do E17 > Configurações > Modulos. Na tela que segue basta Selecionar o módulo desejado e marcar a opção Ativado (caso ainda não esteja). Entre os módulos você vai encontrar alguns muito legais, como fazer a sua tela nevar, chover ou até mesmo pegar fogo! Experimente ;D

Adicionando gadgets à bandeja

  • Com os módulos ativados, basta clicar com o botão direito do mouse na bandeja e selecionar o último menu: Shelf0.

http://img70.imageshack.us/img70/6136/91150810nu1.png

Lá você encontra a opção “Configurar conteúdos da bandeja”). Adicione os gadgets e mova-os de acordo com suas preferências.

http://img520.imageshack.us/img520/6864/30981200ni3.png

Adicionando o iTask (barra de tarefas mais bonita e eficiente)

FONTE: http://ubuntuforums.org/showthread.php?t=415283&highlight=engage+feisty

No terminal (uma linha de cada vez):

sudo apt-get install subversion
sudo apt-get install e17-devel
cd ~
svn co http://itask-module.googlecode.com/svn/trunk/ itask-module/itask_ng
cd ~/itask-module/itask_ng/itask
./autogen.sh
make
sudo make install

Em seguida, é só ativar o módulo e adicioná-lo à bandeja. Caso seja respondido com algum erro, você deve renomear a pasta ~/.e/e/modules/itask/linux-gnu-i486 para ~/.e/e/modules/itask/linux-gnu-i686 (e vice-versa).

a barra fica mais ou menos assim: http://img408.imageshack.us/img408/9258/capturadatelaau3.png

Alterando o tema e o papel-de-parede

Menu Configurações > Temas.

Menu Configurações > Papel de parede

  • Marque a opção “Pessoal” (topo da janela) e busque o papel de parede em “Figura”. Ou então use algum padrão do E17.

Mais temas: Quem quiser pode buscar mais temas, ícones e papéis de parede animados nos seguintes sites: Get-E e e17-stuff.org

Instalando e configurando uma área de notificação (trayer)

Por alguns problemas com a área de notificação, o E17 (ao menos por enquanto) não está com o módulo para os trays. Por isso vamos usar um alternativo, o trayer:

Instale-o:

sudo aptitude install trayer

Em seguida crie um arquivo .desktop para que ele seja reconhecido pelo sistema como aplicativo:

gedit ~/.local/share/applications/trayer.desktop

e insira as linhas abaixo:

[Desktop Entry]
Hidden=false
GenericName[pt_BR]=Trayer
NoDisplay=false
Comment[pt_BR]=Area de notificacao para
Name[pt_BR]=Trayer
#A linha abaixo deve ser editada de acordo com suas preferências, do jeito que se enccontra, ela irá criar uma área de notificação no canto inferior direito, que só ficará visível quando algum programa que usar o tray for acionado.
Exec=trayer --transparent true --edge bottom --align right --widthtype request --heighttype request
Type=Application
Version=1.0
Categories=acessorios;
StartupNotify=false
StartupWMClass=acessorios
GenericName=Trayer
Name=Trayer
Terminal=false
Comment=Area de notificacao

Depois adicione ele aos aplicativos que serão iniciados automaticamente

gedit ~/.e/e/applications/startup/.order

Insira a seguinte linha:

trayer.desktop

Feche a sessão e abra o E17 novamente. Obs.: Para testar, basta abrir algum aplicativo com tray (Gaim, pidgin...).

Ativar o reconhecimento de mídias (auto-montagem)

abra o terminal e digite:

gedit ~/.local/share/applications/gnome-volume-manager.desktop

No arquivo criado insira as seguintes linhas:

[Desktop Entry]
Version=1.0
Encoding=UTF-8
Name=gnome-volume-manager
Hidden=false
GenericName[pt_BR]=gnome-volume-manager
NoDisplay=false
Comment[pt_BR]=Gerenciador de volumes do gnome
Name[pt_BR]=gnome-volume-manager
Exec=gnome-volume-manager
Type=Application
StartupNotify=false
GenericName=gnome-volume-manager
Terminal=false
Comment=Gerenciador de volumes do gnome

Salve e crie um arquivo na pasta de inicialização do E17:

gedit ~/.e/e/applications/startup/.order

Insira a seguinte linha:

gnome-volume-manager.desktop

Feche a sessão e abra o E17 novamente.

Adicionando aplicativos ao menu "Favoritos"

Alguns aplicativos simplesmente não aparecem no menu, então você pensa: “Puxa vou ter de ficar usando o executar sempre?”. Claro que não. O procedimento é simples, para demonstrar vamos adicionar o nautilus ao menu favoritos (já que o gerenciador usado pelo E17 é mais do que limitado).

No menu do E17 escolha “executar comando”. Digite “Pasta Pessoal”, o nautilus será aberto... no ícone da janela (canto superior esquerdo) você ativa um menu, nele basta clicar em “Add to favorite menu”.

Obs: Caso a aplicação que você quer adicionar não tenha a opção “Add to favorite menu”, edite o arquivo ~/.e/e/applications/menu/favorite.menu e o adicione (o problema deste procedimento é que você tem de saber o nome do arquivo .desktop do aplicativo que deseja adicionar.

Para adicionar algum outro aplicativo que esteja no menu “Aplicativos”, basta ir no painel de configurações e editar as opções do menu “favoritos”

  • GET-E: Papeis de parede animados, ícones animados, temas, módulos e muito mais.

  • e17-stuff.org: Papeis de parede, temas, ícones, etc.

Créditos


InstalandoEnlightenment17 (last edited 2011-09-19 23:18:39 by localhost)